Por: João Marcos | 10/04/2012

O CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, anunciou na tarde de ontem, a compra da rede social para o compartilhamento de imagens via smartphones Instagram. O comunicado foi feito por meio da página de Zuckerberg no Facebook.

“Estou contente em anunciar que nós concordamos em adquirir o Instagram, e que toda a sua equipe de desenvolvimento se juntará à equipe do Facebook”, afirmou Zuckerberg.

“Estamos empolgados em fazer parte do Facebook e animados para construir um Instagram melhor para todos”, afirmou o CEO do Instagram, Kevin Systron, em comunicado publicado no blog da empresa. De imediato, o Instagram não deve se integrar ao Facebook. Segundo Systron, o compartilhamento das imagens em outras redes sociais irá continuar como antes.

“Nós acreditamos que essas [as redes sociais] são experiências diferentes e complementares. Mas, além disso, temos que manter o foco no crescimento e fortalecimento do Instaram, mais do que tentar integrá-lo ao Facebook”, completou Zuckerberg.

Disponibilizado para Android na última semana, o Instagram caminha para atingir a marca de 30 milhões de usuários.

Criado pelo brasileiro Mike Krieger e pelo americano Kevin Systron, o app chegou a App Store em outubro de 2010 e logo caiu no gosto dos usuários ao combinar os recursos de câmera fotográfica e de rede social. Em 2011, o Instagram foi eleito pela Apple o Aplicativo do Ano. Segundo estimativas, a empresa é avaliada em cerca de 500 milhões de dólares, mas Mark pagou algo em torno de 1 bilhão de dólares pela empresa.