Por: Ricardo Daniel Treis | 27/08/2013

Quando o cara tá zapeando por algumas trilhas sonoras favoritas e percebe que um dos filmes que colocaria na lista de “novos” é na verdade de 1996. Que deprê esse negócio de tempo.

[youtube_sc url=”http://youtu.be/dx3jica-A4g” width=”640″ autohide=”1″]