Por: Ricardo Daniel Treis | 8 anos atrás

Mobilização contra a violência sexual infantil, prevista para acontecer hoje entre 9h e 11h na Praça Ângelo Piazera, foi cancelada devido à chuva. As atividades programadas serão transferidas para o dia 24 de setembro (sexta), quando se comemora o Dia Estadual pelo Fim da Violência, Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.


Sobre o tema:

A violência sexual infantil em discussão
Hoje é um dia de alerta. A data marca a mobilização nacional contra a violência sexual de crianças e adolescentes. Isso ocorre oficialmente desde 2000, através da Lei 9.970, que instituiu o 18 de maio como Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Um das portas da entrada de denúncias é o Disque 100, da Secretaria de Direitos Humanos (Sedh) da Presidência da República.

No ano passado, foram denunciados 15.345 casos de violência sexual contra crianças e adolescentes. Santa Catarina contribui para a estatística de meninos e meninas que, junto da violência sexual, sofrem violência psicológica e física.

Pelo mesmo Disque 100, o Estado registrou, em 2009, um total de 934 casos. Neste ano, já são 441 denúncias envolvendo crianças catarinenses. O Disque 100 é apenas uma das ferramentas que recebe denúncia deste tipo de crime. Outras chegam através de vizinhos, familiares, escolas.

Em SC em pelo menos 56 municípios existe o Serviço de Enfrentamento à Violência, ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes (Antigo Programa Sentinela). No Estado, a data de mobilização é 24 de setembro, conforme lei estadual. Estão previstas manifestações em algumas cidades do Estado.

Via Angela Bastos