Por: | 7 anos atrás

 

evangelico jaragua futsal

Em jogo emocionante, com direito a prorrogação e disputa de pênaltis, o Colégio Santa Emilia, de Pernambuco, foi campeão do torneio masculino de futsal da Divisão Especial das Olimpíadas Escolares Goiânia 2010, etapa de 15 a 17 anos. No ginásio do Goiás Esporte Clube, o time venceu o Colégio Evangélico Jaraguá, de Santa Catarina, por 6 a 5 nos pênaltis, neste domingo, dia 12. Após empatar o jogo no tempo normal em 2 a 2 e, na prorrogação, em 4 a 4, a equipe pernambucana só conseguiu desempatar o jogo nas penalidades. Na disputa pelo terceiro lugar, o Colégio Percepção, do Rio de Janeiro, venceu o Colégio Fateb, do Paraná, por 13 a 4, e ficou com o bronze.

A exemplo do jogo na fase de grupos, em que os meninos do Santa Emília venceram os catarinenses do Evangélico Jaraguá por 3 a 2, a partida deste domingo foi decidida nos detalhes. Após buscar o empate durante todo jogo, a disputa só acabou com a defesa de um pênalti extra feita pelo goleiro pernambucano Tomaez Gilberto. “Encontramos várias dificuldades e uma delas foi a falta de treino coletivo, pois moramos em cidades diferentes”, declarou Thomaz, goleiro de Pernambuco, bastante emocionado com a conquista.

Segundo o técnico da equipe de Pernambuco, Gerardo Magela, a final entre os dois estados era esperada. “Quando fizemos a primeira partida com Santa Catarina, eu disse para meus jogadores que os catarinenses estariam na final pelo seu nível técnico. Nós já imaginávamos que essa partida seria de espetáculos como foi”, comentou o treinador. Magela também falou sobre o jogo limpo praticado pelos dois times, fundamental para a formação de jovens atletas. “Foi uma partida sem muitas faltas e sem brigas. Isso é importante para o esporte e para a vida desses garotos”, disse o técnico. 

A torcida pernambucana também fez seu papel na arquibancada do ginásio. Entre os torcedores, estava a mulher do técnico de Pernambuco, Rosângela Costa. Ela acompanhou o torneio e ficou muito feliz com o resultado final. “Tive muita fé em Deus e no meu marido que esse título seria nosso. Os meninos estão de parabéns”, disse a torcedora.

Pelo torneio masculino da Primeira Divisão, disputado na quadra do Colégio Santo Agostinho, o Colégio Santo Expedito, do Maranhão, venceu a Escola Craveiro Costa, do Acre, por 5 a 3. A vitória garantiu a medalha de ouro aos maranhenses. Em terceiro lugar, ficou a Escola Tancredo Neves, de Roraima, após vencer o Expansivo Colégio e Curso, do Rio Grande do Norte, por 8 a 3.

As Olimpíadas Escolares foram organizadas e realizadas pelo Comitê Olímpico Brasileiro, co-realizadas pelo Ministério do Esporte e pelas Organizações Globo, com a direção técnica das Confederações Brasileiras e apoio da Prefeitura Municipal de Goiânia e do Governo do Estado de Goiás.

Via Olimpíadas Escolares. Dica da leitora Dayana C. Floriani.