Por: Misael Freitas | 1 ano atrás

O dia a dia na escola pode ser difícil para as crianças e adolescentes com características que se destacam das demais. Por isso, uma escola de Criciúma, em parceria com a Polícia MIlitar, desenvolveu o projeto “Patrulha de Alunos” com a intenção de evitar casos de bullying, vandalismo, uso de drogas e brigas.

Para prevenir confusões por conta da discriminação, os estudantes patrulheiros são responsáveis por atividades como fiscalizar o comportamento dos outros alunos durante os intervalos, organizar as filas para as partidas de pingue pongue e relatar qualquer atitude suspeita.

A iniciativa “Patrulha de Alunos” é importante para que os próprios estudantes tomem consciência dos perigos da prática do bullying e se tornem agentes da transformação para o bem.

Fonte: G1