Por: Ricardo Daniel Treis | 8 anos atrás

Façam o que estiver ao alcance. Prejuízo material é uma coisa, intelectual é outra – geralmente irreversível.
Segue nota publicada pelo Rubens Herbst:

Ó, vida! A malandragem bateu na porta e entrou sem ser convidada na casa de Raimundo Bernardes, que assina, ao lado de Claudenor Fávero, o projeto A Nova Música Antiga de Joinville. Na sexta-feira, ladrões fizeram a limpa na residência do moço, e entre os itens levados estava um notebook Toshiba que continha todo o trabalho da dupla, incluindo fotos, partituras e filmagens que seriam usados em um documentário (aprovado pelo Mecenato) sobre o resgate musical empreendido por Bernardes e Fávero. Pelo menos o violão foi poupado. Quem tiver informações sobre o computador, pode ligar pra (47) 8855-4124.