Por: Ricardo Daniel Treis | 18/01/2013

Está rolando agora no calçadão uma passeata intitulada “Cruzada pela Família”, que verborragia agressivo protesto contra o homossexualismo e o aborto.

Foto de Fabio Sestrem Goulart

Virgens Manifestantes uniformizados munidos de bíblias suadas abordam as pessoas entregando folders discriminatórios, dizendo que “os ideais homossexuais” são ofensivos e não estão de acordo com o que Deus quer para os seres humanos.

A tecnologia evolui e a ciência avança, só a mentalidade continua estreita.

A essas pessoas permitimos pensar assim, porém elas não sabem de tolerância. Se há protesto que mereça ser feito agora, deixa eu levantar a palavra: quem eles representam, Deus? Com que liberdade? Quem autorizou?

Carregam as Bíblias como mensageiros, mas as manchas nas capas ensebadas dos livros só não são menores que a das mentes dessas pessoas, que preferem esquecer a pregação do amor em prol da histeria.

Alienação, cegueira, fanatismo… Esses caras são de Jaraguá? Vou lá protestar contra eles. O Deus em que eu acredito vai mandar eles pro inferno, esses cidadãos precisam ser salvos.


E daonde tiraram que cruzada pode ser uma coisa digna? Vão estudar história antes de fazer essas coisas.

///UPDATE///

Matéria no site d’O Correio do Povo aponta que hoje a partir das 18h no calçadão irá acontecer o “Protesto contra o protesto”, onde as pessoas que são contra o movimento que rolou  hoje no calçadão irão expor seu ponto de vista munidos de cartazes, panfletos e bons argumentos.

O pessoal está organizando o protesto por aqui, e para quem está curioso para conhecer outras ideias quanto ao tema, a publicação continua gerando discussão em nossa fanpage, que você pode acessar clicando aqui.