Por: João Marcos | 11/04/2013

Desburocratizar e acelerar o processo de abertura de empresas é fator vital para a criação de gatilhos de crescimento na cidade de Jaraguá do Sul, e assim diversificar a economia conforme prevê o Jaraguá Ativa.

Foi com este pensamento que a equipe do IPPLAN reuniu todos os setores do poder público e instituições privadas envolvidas e interessadas neste assunto na manhã de ontem, na sala de reuniões do gabinete do prefeito, para apresentar estudos feitos com dados coletados sobre o tempo de abertura de empresas nos sistemas da própria prefeitura.

A reunião contou com 100% de presença dos representantes das secretarias municipais da Fazenda, Administração, Urbanismo, Saúde (Vigilância Sanitária), Desenvolvimento Econômico, IPPLAN, FUJAMA e das instituições APEVI, AEAJS, ACIJS, Bombeiros, CDL, Católica de Santa Catarina, JUCESC, SEBRAE e SINDICONT.

Após a exposição todos os presentes firmaram apoio total ao projeto. Grupos de trabalho serão formados para proporem ações interdependentes de simplificação, racionalização, uniformização e atualização das práticas atuais do processo de abertura de empresas.

A meta inicial é de que atividades de baixo risco possam ter alvarás de funcionamento liberados em até 48 horas.