Por: Ricardo Daniel Treis | 29/01/2014

A publicação foi feita no fim da tarde de ontem. A ilustração do post é concepção artística por minha conta.

calor_dois

A semana começou com calor intenso. A Epagri/Ciram emitiu aviso meteorológico sobre uma onda de calor intenso para os próximos dias. No final de Janeiro e primeira semana de Fevereiro, os termômetros devem registrar picos que variam entre 30°C e 40°C. A sensação térmica em cidades do Litoral Catarinense e Vale do Itajaí tendem a alcançar os 50°C.

A preocupação segue também com o alto índice de radiação ultravioleta. A previsão é de volume extremo, segundo a Epagri/Ciram. Os níveis passam de dez, numa escala de zero a 16. Sendo que, de zero a dois, a exposição aos raios ultravioletas são considerados seguros. Acima de dois ao nível cinco considera-se moderado. A indicação é evitar a exposição próxima ao meio dia. Da escala, seis e sete, o risco à pele é alto. Uso de camisetas, bonés e protetor solar é indispensável. Muito alto, já está entre os níveis 8 a 10. A previsão para os próximos dias chegam ao extremo e a orientação é permanência na sombra, uso de roupas leves e que protejam e não esquecer o protetor solar.

Conforme dados da Epagri/Ciram, as temperaturas previstas podem alcançar os registros históricos catalogados.

A Defesa Civil de Santa Catarina acompanha a situação e traz orientações para a população, para evitar o risco de doenças graves como o câncer de pele, por causa do alto índice de raios UV.

Recomendações da Defesa Civil

FAÇA
– Use ar condicionado ou permaneça em locais com ar condicionado tais como shoppings e bibliotecas;
– Use ventiladores portáteis para ventilar ambientes, mas para temperaturas mais altas que 35 graus podem não evitar problemas de saúde relacionados ao calor;
– Procure manter os ambientes com temperaturas mais baixas do que 32 graus, especialmente naqueles com idosos ou com condições crônicas de saúde;
– Tome banho frio;
– Minimize exposições diretas ao sol;
– Hidrate, bebendo água regularmente e outros líquidos não alcoólicos;
– Coma alimentos leves, frescos e de fácil digestão tais como frutas e saladas;
– Vista roupas folgadas e de cores mais claras;
– Tenha cuidados especiais com mais idosos, doentes ou pessoas frágeis que podem precisar de ajuda para responder ao calor.

NÃO FAÇA
– Direcionar ventiladores portáteis para si quando as temperaturas no ambiente estiverem mais altas do que 32 graus;
– Deixar crianças e animais sozinhos nos carros durante qualquer período de tempo;
– Beber álcool para manter fresco;
– Comer alimentos quentes, pesados ou de difícil digestão;
– Vestir roupas pesadas e escuras.

Índices UV Extremos
– Para Índices UV maiores que 11 significa risco extremamente prejudicial à exposição desprotegida ao sol. Tome precauções porque a pele e olhos desprotegidos podem queimar em minutos;
– Procure evitar exposição ao sol entre as 10 da manhã e 4 da tarde;
– Se permanecer ao ar livre, procure sombras e use roupas protetoras adequadas, bonés e chapéus e óculos de sol com bloqueador UV;
– Aplique generosamente filtros solares com espectro amplo SPF 30+ a cada duas horas, mesmo em dias nublados e após nadar ou suar;
– Cuidado com superfícies brilhosas, tais como areia e água que podem refletir os raios UV e aumentar a exposição.


E com a palavra, a bixa muda de Juazeiro:
[youtube_sc url=”http://youtu.be/LaAKPyhYUJg” width=”640″ autohide=”1″]