Por: Ricardo Daniel Treis | 8 anos atrás

Vamos lá, enquanto o ódio ainda está fresco na cabeça da galera, exercício otimista quanto ao que esse evento têm de mais legal por aqui, a Europa Brasileira:
– Você ter que trabalhar, mas tudo mais que você precisa funcionando pra organizar seu negócio está fechado;
– Você pegou descanso, mas tem que aturar a onipresença das plumas, baianas, abre-alas e olelês nas mídias;
– Os dois dias e meio de filas de banco acumulados;
– A impressão de que poderia estar descansando nulificada pela que deveria estar trabalhando. Então o trabalho é feito nas coxas e o descanso é feito se incomodando;
– Ver os desfiles na avenida e não entender qualé a das decorações que o comércio usa. Máscara, confete… Cadê as bundas purpurinadas e o topless?


Publicado originalmente na Coluna Por Acaso e 18 de fevereiro de 2010, Jornal FolhaSC.