Por: Gabrielle Figueiredo | 2 anos atrás

Não são só os seres humanos que sofrem com o calor durante o verão. Os animais de estimação também precisam de cuidados para encarar as altas temperaturas de forma saudável e sem sufoco. Para saber como proteger seu pet do calor, confira algumas dicas e práticas essenciais durante a estação.

Transpiração dos animais

cuidados verão animais

Ao contrário das pessoas, alguns bichos de estimação, como cães e gatos, não possuem glândulas sudoríparas, responsáveis pela produção de suor e equilíbrio da temperatura corporal. Portanto, para aliviar o calor, esses animais precisam lançar mão de outros mecanismos de resfriamento.

No caso dos cães, a respiração é a principal maneira de controlar a temperatura. Por isso, quando submetidos ao calor intenso ou situações de estresse, os bichinhos abrem a boca e projetam a língua para fora, aumentando a entrada de ar.

Para garantir o sossego do seu pet e evitar problemas mais graves, como vômitos e complicações cardíacas, deixe-o descansando em locais arejados, com água fresca abundante e bastante sombra. O mesmo vale para os gatos.

Cuidados com as patas

cuidados-animais-verao

Durante os passeios, nos esquecemos de que, ao contrário de nós, os cães não estão usando sapatos. Em asfalto ou areia muito quente, aquelas almofadinhas que protegem as patas dos cães podem ficar queimadas, deixando a região extremamente dolorida. Por isso, prefira sair de casa com o animal antes das dez da manhã e depois das quatro da tarde, períodos nos quais o sol não está muito intenso.

Além disso, as almofadinhas das patas também auxiliam na manutenção da temperatura corporal, tanto para cães, quanto para gatos. Mais um motivo para protegê-las do calor.

Pulgas e carrapatos

cuidados verão pets

A temperatura mais amena e o ar com maior índice de umidade são fatores típicos do verão, que incentivam a proliferação de pulgas e carrapatos. Por isso, durante o período, é preciso cuidado redobrado para evitar a infestação do animal.

Deixe a pelagem bem curta e aplique produtos anti-pulgas, pelo menos, uma vez ao mês. Para os pets que vivem em quintal com vegetação ou fazem passeios constantes, a aplicação deve ser quinzenal. Se possível, diminua a frequência de banhos, para aumentar o tempo de ação dos medicamentos de prevenção.

Cuidados com a pele no verão

cuidados verão com animais

Cães e gatos têm a pele rosada e muito mais sensível aos raios solares. Essa característica faz com que problemas de pele, e até câncer, se desenvolvam com maior facilidade. Por isso, principalmente para animais albinos e com pelagem branca, o uso de protetor solar durante os passeios é indispensável.

Fonte: Bolsa de Mulher