Por: Ricardo Daniel Treis | 9 anos atrás

Excelentíssimo André Barbi mandou o convite, eis o repasse pra moçada:

Neste sábado, 10 de abril – 10 horas, teremos aqui na Grafipel uma conversa com a escritora Denise Ravizzoni, seguido do lançamento do livro “AS MUITAS QUE ME HABITAM – contos” e leitura de texto.


Micro Release

Denise Ravizzoni é  escritora. Até aí, nada de especial. Mas, quando aproximamos o olhar, vamos perceber que escreve sobre temas um tanto inusitados para uma mulher com um semblante tão calmo. É que Denise faz parte da safra de autores que movimenta a nova literatura policial brasileira. Os textos tratam mais da perturbação da mente do que propriamente da relação crime x castigo. Talvez influência do velho e bom Edgar Allan Poe, talvez pela declarada adoração pelo cinema, ou, ainda, pela mera observação de quem anda ao lado. Nunca se sabe de onde pode surgir um ato extremo.

A autora já participou de coletâneas como Contos Jaraguaenses, Assassinos S/A e Beco do Crime (este, lançado em 2009 na Bienal de São Paulo). Agora divulga o livro-solo AS MUITAS QUE ME HABITAM, lançado no dia 8 de Março de 2010, durante as comemorações do Dia Internacional da Mulher, no SESC Jaraguá.

Materiais dela online:
Sexo & Crime  |  Human Fly  |  Beco do Crime