Por: Gabrielle Figueiredo | 15/02/2016

Cruzar a Europa em sete dias usando apenas 24 latas de Red Bull como moeda de troca. Este é o objetivo da aventura Red Bull – Can You Make It?, uma prova que terá 165 equipes de universitárias de mais de 50 países do mundo participando.

Se depender de um pessoal daqui – e de quem ajudar eles -, teremos representantes jaraguaenses nesta disputa! Naturais de Jaraguá do Sul, Rafael Mendonça Soares, 23, e Johann Canuto Waterkemper, 22, estão participando dessa promoção e precisam do seu voto para chegar lá.

Durante a gravação do vídeo.

Tombo básico durante a gravação do vídeo.

Atualmente cursando Geologia na UFSC, Johann descobriu a promoção pelo Facebook e chamou Rafael, que cursa Ciência da Computação na UFPR, para participar. Como são três competidores, veio mais um convidado, o estudante de Engenharia Mecânica também na UFSC, Augusto Von Borowski Neubauer, natural do Rio Grande do Sul.

Para participar, eles tinham que produzir um vídeo de 1 minuto que mostrasse o espírito aventureiro deles e que ao mesmo tempo fosse criativo. Veja o vídeo abaixo e vote no site da Red Bull clicando aqui.

Conforme Rafael, a produção foi toda feita por eles, desde o roteiro até as fantasias. “Gravamos o vídeo em cinco dias, passando por lugares como o Parque da Malwee, Morro da Boa Vista, Seminário de Corupá e até praias de Florianópolis”, explica.

A prova
A corrida vai acontecer entre os dias 12 a 19 de abril, onde as equipes saem de um dos cincos pontos de partida na Europa e devem chegar a Paris, usando apenas 24 latinhas de Red Bull como moeda de troca.  Cada equipe abrirá mão de seu dinheiro, cartões e celulares em troca das latinhas e de um smartphone.

Cada troca realizada também acumula pontos para as equipes, ou seja, além de chegar ao destino final, os três precisam ficar atentos na contagem dos pontos.

Os três durante a gravação do vídeo.

Os três durante a gravação do vídeo.

Segundo Rafael, o maior desafio deve ser justamente a negociação. “Teremos que trocar almoço, hospedagem e podemos tentar conseguir até passagem de avião”, explica.

Caso consigam seu lugar na corrida, Rafael acredita que antes deve rolar uma preparação. “Acredito que iremos estudar mais a cultura local e melhorar um pouco mais no inglês”, conta.

Do Brasil, são cerca de 100 equipes participantes, mas apenas quatro serão as finalistas e somente uma participa da prova na Europa. O prazo final da votação é dia 25 de fevereiro.

E aí, quem topa ajudar? Mais informações no evento no Facebook.