Por: Sistema Por Acaso | 4 anos atrás

As férias de verão estão se aproximando e dificilmente haverá algo melhor para se fazer do que curtir uma ilha paradisíaca na região da Polinésia, no Pacífico Sul. O local é conhecido mundialmente por sua beleza idílica com praias de areia branca e mar azul turquesa, porém esta pode ser uma das últimas oportunidades para conhecê-lo. Regiões como a Polinésia estão sumindo do mapa devido ao Aquecimento Global e muito provavelmente a próxima geração não terá a oportunidade de visitá-las.

Micronações que figuram constantemente na lista dos locais mais belos do mundo estão entre as mais ameaçadas pelos efeitos do Aquecimento Global. Países como as Maldivas, Tuvalu, Kiribati e Ilhas Fiji serão os primeiros a sofrerem as consequências da elevação dos oceanos. A data não é certa, mas até o final deste século, estas nações farão parte das lembranças de um Planeta Terra que já não existirá mais. Segundo a ONU, uma das áreas mais afetadas pela subida das águas será o Pacífico Sul, justamente na região da Polinésia e suas ilhas paradisíacas.

Os dados do último relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) apontam que o nível do mar deve subir entre 28 cm e 89 cm até o ano de 2100. O grande problema é que estas nações do Pacífico Sul estão localizadas em média a um metro de altitude e qualquer variação mínima da maré destruirá por completo a infraestrutura local.

Infelizmente, como usado por vários governos da região para chamar a atenção do mundo com o grave problema local, as placas espalhadas em algumas praias com os dizeres “Última chance de ver o paraíso” nunca foram tão reais.

Confira os lugares: