Por: João Marcos | 7 anos atrás

Quem nunca esteve viajando distraidamente quando do nada começou a rir de algo que está escrito no caminhão à  frente? Geralmente engraçadas e muitas vezes medonhas, as “frases de caminhoneiros” se tornaram uma tradição no Brasil e nas suas rodovias. Por mais superficial que pareça essa arte, saiba que isso tem história. Muitas vezes a personalidade do caminhoneiro está diretamente relacionada a frase que ele estampa na traseira de seu caminhão.

Estima-se que a mania de exibir frases nos para-choques de caminhões começou no Brasil nos anos 50. A prática é inspirada no filateado: técnica argentina de desenhos estilizados que ornamentavam carroças no fim do século 19. Com o tempo, os desenhos passaram a ser usados em ônibus e caminhões dos hermanos, só que acompanhados por frases. A moda pegou de vez por aqui nos anos 80. O investimento das montadoras em tecnologia e conforto motivou os caminhoneiros a enfeitar os veículos com acessórios, como as faixas com frases. Algumas são clássicas: “Pai herói”, por exemplo, indica que o motorista é filho de caminhoneiro. Já frases relacionadas a dirigir rápido e a hábitos noturnos mostram que o profissional trabalha com cargas perecíveis. A tradição das frases de para-choque está ameaçada pelo aumento de frotas terceirizadas e por clientes que não contratam caminhões com letreiros.

Vi la na ME