Por: João Marcos | 4 anos atrás

Primeiramente, como vocês sabiam disso hein “clientes reclamões”?

Capture

Agora, voltando ao foco… O que você faria se ganhasse um perfume e percebesse que ele tem cheiro de maconha? É isso o que tem acontecido com vários clientes da Natura, que comentam sobre o aroma curioso da fragrância #Urbano.

Inspirado na arte urbana de cidades brasileiras, o perfume recebe cada vez mais relatos de clientes surpresos em redes sociais como o ReclameAqui e o Twitter:

“Recentemente comprei um perfume da Natura (urbano) e quando cheguei no meu trabalho as pessoas comentavam que estava um cheiro de maconha no setor, em seguida outras pessoas comentaram e logo depois chegaram a conclusão que era o meu perfume e agora ficam brincando me chamando de maconheiro”, escreveu um dos usuários.

perfumeurbanomaconha

Em outra reclamação, o cliente conta que precisou levar o frasco para provar no trabalho que não usava a droga:

“Ganhei de minha esposa o perfume Urbano, novo lançamento da Natura. Sempre fui fã da marca e durante muitos anos usei o KaiaK. Quando passei um pouco do perfume Urbano em mim para sentir a fragrância, notei que o cheiro era idêntico ao cheiro de maconha. Brinquei com ela e ela disse que era bobagem. Pois bem, fui trabalhar e na minha sala, uma pessoa entrou e comentou em tom de brincadeira que alguém estava usando maconha”, relatou.

Por cerca de R$ 90, o #Urbano é vendido em quatro frascos diferentes. O conteúdo é o mesmo, o que muda são os desenhos da embalagem feitos pelos grafiteiros Does, Paulo Ito e Izu. O diferencial do produto é o Akigalawood, componente exclusivo deste perfume.
….

Agora o Brasil se dividirá em dois grupos:

– O dos que usarão o perfume como desculpa pra dar um tapa no dedo do kong durante o intervalo de trabalho,
– E o dos que logo inventarão a modalidade de “fumar perfume”.

Já para a Natura meu recado é, AQUI É BRASIL POR**

6096234_700b