Por: Ricardo Daniel Treis | 01/02/2011

A região do Vale do Itapocu será representada, a partir de hoje, na Assembleia Legislativa, pelo deputado jaraguaense Carlos Chiodini (PMDB). O político de 28 anos garantiu vaga com 40,2 mil votos de pelo menos 90 cidades catarinenses. A maior fatia dos votos, cerca de 15 mil, foram de eleitores de Jaraguá.

Chiodini disse que pretende abrir um escritório parlamentar na cidade. Espera que prefeitos, entidades sociais e lideranças de classes usem o espaço para debater ideias e oferecer sugestões que resultem em projetos de lei. “Quero tornar o mandato mais participativo”, descreveu ele, que é filiado ao partido desde os 17 anos e já assumiu por duas vezes o cargo de diretor do porto de São Francisco do Sul.

Apesar do discurso, Chiodini ainda não definiu ainda qual será o primeiro projeto que pretende apresentar na Assembleia, mas fala da meta de sugerir um projeto ou sugestão por mês.

O deputado deve assumir a presidência da Comissão de Saúde na Assembleia. Uma das ideias dele é buscar recursos para tentar implantar na região policlínicas de atendimentos mais complexos. “O governador Raimundo Colombo (DEM) tem esse projeto de construir essas clínicas em cidades-polos e vamos batalhar para que Jaraguá seja uma dessas sedes”, comentou.

Chiodini disse que espera que o governo estadual seja o menos burocrático possível para que as ações sejam dinâmicas e ágeis para favorecer um desenvolvimento sustentável.


Via AN

Na coletiva após o resultado das eleições, Carlos respondeu uma pergunta feita pela gente:

Carlos, você teve uma campanha exemplar através da internet, agora eleito, você pretende manter esta presença ativa na rede? Os eleitores poderão auxiliar em seu trabalho através de um mandato participativo, onde você possa discutir suas idéais de projetos e analisar idéias enviadas?