Por: Sistema Por Acaso | 22/12/2016

O Verão já está entre nós. Com ele, chegam as altas temperaturas e bate aquela vontade de tomar uma gelada. O jornalista Caio Mandolesi compartilhou com a gente algumas dicas de cervejas artesanais para você curtir na estação mais quente do ano. Olha só:

O verão tá virando a esquina e vem com tudo na sua direção. Naqueles dias que o calor delícia derrete até pensamento, seu cérebro meio frito só consegue focar em uma coisa: cerveja gelada.

Mas pra fugir da tradicional Pilsen que ocupa 98% das prateleiras de supermercado, se liga nessa listinha marota com 5 estilos de cerveja artesanal. Não é lista de sommelier nem de mestre cervejeiro, mas usei alguns critérios básicos: a facilidade pra encontrar na região ou no litoral a preços nada absurdos, porque as cervejarias locais produzem boas opções desses estilos.

Todas são cervejas leves e refrescantes, que combinam com praia, piscina, churrasco, frescobol, amendoim, batata frita, peixe, camarão, ceia de natal e réveillon. Olha só:

Witbier

Talvez o estilo que mais tenha a cara do verão. Cerveja de trigo de origem belga, leva na receita sementes de coentro e, dependendo do cervejeiro, raspas de laranja ou de limão siciliano. Esse toque cítrico deixa a Witbier bastante refrescante.

Kölsch

Estilo de cerveja ainda pouco conhecido no Brasil, a Kölsch é leve e refrescante como uma Pilsen, mas puxa um sabor bem sutil de frutas vermelhas. Uma alternativa bem tranquila pra agradar até aquele seu tio que nunca tomou uma artesanal.

Saison

O estilo mais livre e criativo de cerveja, a Saison permite várias combinações de ingredientes, muitas delas com frutas e sementes. Essas combinações muitas vezes resultam em cervejas com cores diferentes do tradicional dourado, algumas parecem até espumantes na taça. Ideal pra quem procura se refrescar com muito sabor.

Weiss

A cerveja de trigo geralmente é a primeira cerveja artesanal de quem ainda está começando a experimentar novos sabores. Típica do sul da Alemanha, a Weiss é clara e tem um leve sabor frutado que lembra banana.

Session IPA

Criada no Século XVIII pra matar a sede do exército inglês que ocupava a Índia, a IPA é uma cerveja mais lupulada e amarga. A Session IPA é mais leve, menos encorpada, mas mantém o amargor, o que a deixa perfeita pra quem não quer abandonar o lúpulo no verão.

Bônus Track

Sabe aquele dia (ou aqueles) em que chove, faz um certo friozinho e a galera troca a praia pelo baralho? Aproveita e bebe uma Stout. Cerveja mais encorpada, amarga e com teor alcoólico mais alto, ela também vai bem nos dias quentes. Mas num dia de frio ninguém vai te encher o saco e perguntar porque você tá bebendo uma cerveja escura.

Sobre o autor

Caio Mandolesi é Jornalista e um dos sócios da Cervejaria Maestro. Não sabe fazer cerveja, mas consegue beber e lembrar o suficiente pra escrever depois.