Por: | 8 anos atrás

pele santos campeao

Com o reconhecimento das conquistas da época de Pelé, Santos se torna octocampeão

O Santos e o Palmeiras são os maiores campeões brasileiros. Atendendo ao pedido de alguns clubes, incluindo a dupla paulista, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) irá unificar até o fim deste ano as conquistas da Taça Brasil, Torneio Roberto Gomes Pedrosa e Taça de Prata, transformando-as em títulos nacionais, segundo informações do Jornal Nacional.

Com essa mudança, o Santos, que atualmente conta com dois títulos brasileiros, passará a ter oito conquistas (Taça Brasil de 1961 a 1965 e Roberto Gomes Pedrosa de 1968). O Palmeiras irá dobrar os atuais quatro troféus nacionais, já que também venceu torneios em 1960, 1967 (duas conquistas) e 1969.

Não são apenas os dois times paulistas, no entanto, que serão beneficiados com a decisão da CBF. Com a decisão, Cruzeiro, Botafogo e Fluminense também passam a contar com um título a mais do que atualmente.

Outra mudança histórica está no primeiro campeão da história do país. O Atlético-MG, que venceu a edição do Campeonato Brasileiro de 1971, perde esse posto para o Bahia, que venceu a Taça Brasil em 1959.

O trabalho de unificação dos títulos foi liderado pelo historiador Odir Cunha, ligado à diretoria do Santos. Após resgatar matérias da época, o profissional elaborou um detalhado dossiê. Com isso, ganhou o apoio dos presidentes de Palmeiras, Cruzeiro, Bahia, Botafogo e Fluminense, que se juntaram para pressionar a CBF.

Em novembro, a CBF já havia dado indícios de que poderia acatar o pedido dos clubes. Após encontro com o presidente Ricardo Teixeira, lideranças dos clubes ouviram um parecer otimista do homem que comanda o futebol brasileiro.

“Mandaremos fazer uma análise em cada um dos setores, como o setor técnico, para ver a possibilidade de legalidade dessa iniciativa, que a princípio é factível”, afirmou Teixeira, na época do encontro.

Via UOL.