Por: Misael Freitas | 06/04/2017

Laerte Coutinho, cartunista, transsexual, bem-sucedida, brilhante, será tema do primeiro documentário original Netflix produzido no Brasil. “Laerte-se”, tratado como uma jornada introspectiva por dentro da mente de uma das personalidades mais criativas do país, já tem data de estreia: 19 de maio.

Depois de quase 60 anos como homem, após três filhos e três casamentos, o cartunista Laerte apresentou-se como mulher. O doc será uma investigação da própria biografada sobre o mundo feminino na intimidade do cotidiano.

Enquanto reforma a casa, Laerte se pergunta se deve ou não fazer um implante de seios. Essa questão é ponto de partida para uma série de perguntas difíceis sobre o que é, afinal, ser mulher.

“Laerte-se” tem direção de Lygia Barbosa da Silva e Eliane Brum, corroteiristas ao lado de Raphael Scire. O texto ainda teve colaboração de Nani Garcia. A produção é da Tru3Lab para a Netflix.

Fonte: Adoro Cinema

Foto destaque: Rafael Roncato