Por: Anderson Kreutzfeldt | 4 anos atrás

Uma consultora de Joinville descobriu que o veículo que ela comprou sofreu adulteração. O carro era um táxi de Curitiba, que foi pintado de preto e teve a quilometragem adulterada, para menos. Agora, ela luta para obrigar a revendedora a trocar o carro por outro veículo, da escolha dela, que tenha realmente baixa quilometragem e esteja em boas condições.

O que você faria nessa situação?

via @RICMais