Por: Gabrielle Figueiredo | 2 anos atrás

As fortes chuvas que castigaram Santa Catarina no ano de 2008 deixaram marcas profundas. O cenário de muitas cidades foi modificado, assim como a vida de milhares de pessoas, que, apesar do tempo, não se esquecem das enchentes, dos prejuízos e das vidas perdidas durante aqueles meses.

O balanço final do desastre contabilizou cerca de 60 cidades e mais de 1,5 milhão de pessoas afetadas, além de 135 mortes diretamente ligadas às inundações e deslizamentos de terras que tomaram conta do Estado. Nenhum catarinense ultrapassou imune tais situações.

E, com a sensibilidade e a criatividade afiadas, o escritor Carlos Henrique Schroeder mergulhou nessa passagem recente da história de Santa Catarina para ambientar seu novo livro, que será lançado neste sábado, dia 3, na livraria Grafipel, a partir das 10h.

Em ‘História da chuva’, o premiado autor apresenta os personagens Arthur e Lauro. Amigos, parceiros profissionais e diretores de um grupo de teatro de animação, eles vivenciam os dramas das enchentes, que acabam vitimando o primeiro. Assim, o romance começa relatando as incertezas de Lauro. Recém-divorciado e atordoado pela ausência do amigo, ele procura um sentido para a existência das próprias memórias.

Foto: Chan

Foto: Chan

A obra é narrada por um alter ego do autor, que procura, ao tentar criar um perfil de Arthur, descobrir o quanto o teatro e a arte ainda fazem sentido para sua existência. O livro funciona como um falso documentário, que parte de elementos reais e ficcionais para provar que não há limites entre o palco e o mundo.

Segundo Schroeder, ‘História da chuva’ é um livro que carrega muito dele mesmo. “Foi difícil escrevê-lo, por vários motivos, eu lembro bem daqueles meses em que a chuva não cessava, quando havia água por todos os lados”, destaca.

Pautado pelos fracassos pessoais dos personagens e do próprio narrador, Carlos, o escritor leva os leitores à reflexão e à releitura dos fracassos possíveis. “Essa é a história que interessa, a dos fracassos, pois a trajetória da vitória é geralmente única e sempre tem alguém para contar, mas a dos fracassos, não”, complementa.

‘História da chuva’ foi premiado com a Bolsa de Criação Literária do Programa Petrobras Cultural 2012. A obra leva o selo da editora Record e terá lançamentos em diversas cidades do Estado, além de importantes capitais.

Agenda de lançamento

O primeiro evento ocorre na sexta-feira, 2 de outubro, às 19h, na Livraria Saraiva do Beiramar Shopping, em Florianópolis.

Depois, o escritor segue para a Grafipel, em Jaraguá do Sul, no dia 3, e em 7 de outubro, ele conversa com os leitores na Livraria da Travessa Botafogo, no Rio de Janeiro.

Finalizando a agenda, o autor ainda desembarca na Livraria Arte & Letra, em Curitiba, no dia 17, e na Livraria Scriptum, em Belo Horizonte, no dia 31.

Fonte: Entrelinhas Assessoria em Comunicação