Por: João Marcos | 6 anos atrás

 

Depois de figurar entre os 21 ficcionistas brasileiros mais importantes na escolha do crítico Nelson de Oliveira, no livro “Geração Zero Zero” em 2011, o escritor catarinense (nascido em Trombudo Central, mas radicado em Jaraguá do Sul) Carlos Henrique Schroeder colhe mais frutos de seu trabalho.

A Fundação Lettrétage divulgou os autores selecionados para antologia de literatura contemporânea brasileira a ser publicada pela editora da fundação alemã em 2013, ano em que o Brasil será homenageado na Feira de Frankfurt, a maior feira de negócios do mercado editorial do mundo.

Para a coletânea, foram escolhidos quase trinta nomes pela brasilianista Marlen Eckl. “A nossa intenção é fazer uma coletânea de autores de todo o Brasil, de diferentes descendências, escrevendo em diferentes estilos e sobre diferentes assuntos” afirma Eckl.

“Fiquei muito feliz de ter sido selecionado, é importante para divulgar o trabalho no exterior, pois a feira de Frankfurt é a maior do mundo, muitos negócios acontecem lá, e isso deve me abrir muitas portas” diz Schroeder, que em 2010 venceu o Prêmio Clarice Lispector de Literatura e foi contemplado pela Bolsa Funarte de Criação Literária, do Governo Federal.