Por: Tita Pretti | 4 anos atrás

768x1024xFamilia-da-Isis-768x1024

No mês em que celebra 15 anos de existência, a UTI Neonatal do Hospital e Maternidade Jaraguá comemora o fato de salvar mais uma vida. É que recebeu alta da unidade na tarde da última quarta-feira (5), a pequena Isis de Oliveira, de quatro meses. A criança nasceu prematura, com cerca de 25 semanas, pesando apenas 400 gramas. Depois de permanecer internada por quatro meses no hospital, a menina, que hoje pesa pouco mais de dois quilos, deixa a instituição sem sequelas.

De acordo com a mãe, Pâmela Severino, de 24 anos, a sensação é de alívio. Natural de Joinville, ela conta que precisou ser transferida para Jaraguá do Sul por causa da falta de vagas na UTI da maior cidade do Estado. “Desde que chegamos aqui fomos muito bem atendidos. Os médicos fizeram de tudo para salvar a vida dela, e estamos muito felizes por poder ir para casa com ela nos braços”, revelou.

Para o pediatra e diretor técnico da UTI Neonatal do Hospital e Maternidade Jaraguá, Osmar Cruz, o caso envolveu muitos riscos e agora a menina vai precisar de um acompanhamento rigoroso e a realização de novos exames será frequente. Porém o fato de ela ter recebido alta, é para o especialista uma grande vitória.

O pediatra Airton Slaviero, que também acompanhou o caso de perto, diz que o mais importante é que a criança não teve sequelas, “o que é muito raro em casos como esse de extremo baixo peso”.

A Diretoria da instituição também comemora o fato. “Mais uma vez o envolvimento comunitário, representado pela doação financeira na estruturação do hospital se justifica. A UTI Neonatal, concebida e executada através das doações da Malwee Malhas, acaba de comemorar mais uma conquista”, destaca o diretor da unidade, Jeferson Gomes. Toda a equipe de enfermagem, aliada à estrutura do hospital, também foi fundamental para o sucesso deste paciente.

Via OCP Online.