Por: Gabrielle Figueiredo | 3 anos atrás

Após quatro dias de negociação com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e 19 dias em greve, os bancários fecharam, no último sábado, dia 24, a proposta para o Acordo Coletivo da categoria

Foto: Gabrielle Figueiredo

Foto: Gabrielle Figueiredo

A assembleia dos bancários da regional de Jaraguá do Sul está marcada para a noite desta segunda-feira, dia 26, e a orientação do sindicato é pela aprovação da proposta.  Com isso, os bancos deverão voltar com o atendimento normal a partir de terça-feira, dia 27.

Conforme o cronograma, trabalhadores dos bancos privados devem se reunir às 17h, grevistas do Banco do Brasil se reúnem às 17h30 e da Caixa Econômica Federal promovem assembleia às 18h. Todas as assembleias acontecerão na Recreativa do Banco do Brasil.

A proposta global foi fechada após impasse nas negociações sobre a compensação dos dias parados. Além dos reajustes de 10% para salários e 14% para os vales refeição e alimentação, já ofertados na sexta-feira, os banqueiros propuseram compensação dos dias de greve de uma hora diária até 15 de dezembro, a contar a partir da assinatura do acordo.

Dessa forma, serão abonados 63% das horas dos trabalhadores de 6 horas, de um total de 84 horas, e 72% para os trabalhadores de 8 horas, de um total de 112 horas.

A greve dos bancários na região durou cerca de 20 dias com agências fechadas em Guaramirim, Jaraguá do Sul e Massaranduba.

Fonte: Rádio Jaraguá