Por: Tita Pretti | 4 anos atrás

praia imprópria (1)

O último relatório de balneabilidade divulgado pela Fatma (Fundação do Meio Ambiente) mostra que oito dos 14 pontos analisados em Balneário Camboriú estão impróprios para banho. Mais da metade.

O resultado diz respeito a coletas feitas no dia 3 de novembro e inclui, além de pontos historicamente, impróprios, como a Lagoa de Taquaras e o Pontal Norte, também pontos nas ruas 1001, 2000, 3000, 4000, 3500 e 2500.

Diretor de Desenvolvimento Ambiental da Secretaria de Meio Ambiente de Balneário (Semam), Arnaldo Christian Pereira disse que ainda não há uma explicação concreta para que a Praia Central tenha voltado a apresentar pontos poluídos. No ano passado a prefeitura fez uma grande obra de drenagem para levar a água da chuva para os dois extremos da praia, no Pontal Norte e na Barra Sul, o que acabou com as “línguas” que corriam sobre a areia e, em tese, deveria ter mantido a praia em condições próprias para banho.

Os testes de balneabilidade avaliam a quantidade da bactéria escherichia coli em cada amostra coletada. Um local é considerado impróprio para banho quando o número de bactérias ultrapassa o limite do “saudável”.

A Semam pretende reunir-se com a equipe técnica da Fatma para entender o que está acontecendo.