Por: Ricardo Daniel Treis | 4 anos atrás
transitodejaragua

Pedrão e Zé, os mestres do meio fio – Foto: Eduardo Montecino

Matéria d’O Correio do Povo de hoje: “Quem está acostumado a trafegar na Avenida Prefeito Waldemar Grubba deve ficar atento nas alterações que acontecem no trânsito. As mudanças se devem à obra de construção de um viaduto para facilitar o acesso aos bairros Vieira e João Pessoa, em Jaraguá do Sul. Durante  a terça-feira (25) ocorreu a pavimentação de um trecho da via, na saída da unidade 2 da WEG, onde foi retirado o canteiro para abrir a passagem de veículos. De acordo com o diretor de Trânsito e Transportes Rogério Luiz Kumlehn, no local serão instalados semáforos e uma nova sinalização para que os veículos possam fazer o retorno de acordo com as alterações.”

POR FAVOR, VEJAM O DETALHE
Na continuação da matéria, vem essa: “O engenheiro da obra no trevo, Mário Becker, (…)explica que as obras seguem no ritmo normal e que agora os operários trabalham na implantação do meio fio do lado esquerdo da avenida. ‘Acabamos a base e assim que terminarmos o meio fio e a instalação da calçada será feita a pavimentação da via’, afirma. Ele acredita que até o fim de março a rua estará asfaltada.”

Deus salve esse prazo! Ontem voltava de Guaramirim, e enquanto curtia os mais de 20 minutos de engarrafamento entre a ponte do portal e o trevo (os dois quilômetros mais longos entre Guaramirim e Jaraguá) tive tempo pra tirar umas fotinhos do canteiro. ERA ALUCINANTE O RITMO DAS OBRAS. Confiram:

obrasAli, no círculo maior, o Pedrão e o Zé, colocando meio fio. Estão vendo? DOIS operários. DOIS.
E lá na sombra, fiscalizando (?) os colegas, pelo menos outros cinco homens.  Eita!

É opinião de leigo, mas já acho o efetivo pequeno pra uma obra que, dada a importância, demanda uma puta agilidade. Agora quando 75% dos operários são apenas corpo presente, dai ferrou tudo.

Três impressões: falta fiscalização, falta responsabilidade, falta respeito. Vamolá gente!


Ah, outra falta também é a de organização. O canteiro é uma zoeira só, muito me admira nenhum motorista ainda ter empalado o carro ali. É ponta de sarrafo e estaca pra todo lado, que porralouquice é essa? 

Pra fechar o post, uma última fotinho. A captura é pura poesia:

pareobras