Por: Max Pires | 7 anos atrás

Anderson adota 'marra' e Belfort se diz reinventado em luta por cinturão no UFC 126

“A luta do século seria eu contra meu clone.” Foi assim que Anderson Silva mostrou mais uma vez o estilo marrento na entrevista coletiva desta quarta-feira para o UFC 126, que valerá o cinturão dos médios da maior entidade de MMA do mundo. Vitor Belfort, por sua vez, adotou um tom mais tranquilo, mas também mostrou muita confiança para o duelo do próximo sábado, em Las Vegas (EUA).

De óculos escuros, Anderson deu suas tradicionais respostas monossilábicas para a maior parte das perguntas e preferiu apostar em uma luta “engraçada”. “O Vitor é um grande adversário, como todos os outros e acho que essa será uma luta engraçada”, afirmou Silva, atual campeão da categoria.

“Tem muita gente falando desse combate e vai ser uma grande luta. São dois grandes nomes, então todos os fãs estão esperando por esse encontro. Mas para mim, o importante é ser lembrado como uma pessoa melhor que eu sou. Busco isso e é o que acho importante”, completou Anderson.

Já Vitor explicou um pouco melhor como foi sua preparação. Para ele, seu trunfo serão as novidades que ele apresentará no octógono. “Quem me conhecia dois anos atrás não me conhece mais agora. Sou um cara completamente novo. Estou muito preparado, trenei muito para tudo o que pode acontecer. Todos poderão ver isso no sábado.”

“Vim aqui para entreter todas essa gente que veio até aqui para assistir uma grande luta, todo mundo que vai comprar o show em pay-per-view. Tive uma carreira de muitos altos e baixos. Sinto pressão desde que conquistei o meu primeiro cinturão do UFC com 19 anos, mas agora estou me divertindo”, seguiu Belfort.

Mas se a entrevista coletiva aconteceu em um clima morno entre os dois brasileiros, o melhor desse primeiro encontro ficou para o final. Anderson Silva e Vitor Belfort posaram para fotos e deram uma encarada tensa. Todos na sala puderam sentir a tensão entre os dois.

O UFC 126 acontece na madrugada deste sábado para domingo, a 1h (de Brasília), em Las Vegas e terá transmissão ao vivo no canal em pay-per-view Combate.

Via UOL.