Por: Ricardo Daniel Treis | 7 anos atrás

 

Na tarde desta segunda-feira, 13, a Polícia Militar foi chamada para conter os ânimos de alguns alunos da escola Albano Kanzler, que se revoltaram após a notícia de que seriam reprovados. 

Por volta das 17 horas, Policiais Militares do 14º Batalhão tiveram que mediar um princípio de tumulto na escola Albano Kanzler, bairro Vila Lenzi. De acordo com a direção do estabelecimento de ensino, um dos alunos de 15 anos de idade ficou revoltado ao saber que estava reprovado e, ameaçou explodir a escola. 

A PM constatou que a ameaça era apenas verbal e o aluno estava muito nervoso. A diretora não quis registrar contra o menor, mas mesmo assim os Policiais permaneceram no local até o fim das atividades para evitar problemas maiores.

Via Site do 14º BPM.
E vale o comentário: o aluno reprova e a culpa é da escola?