Por: Tita Pretti | 4 anos atrás

Manaus-Amazonas-Amazonia-cotidiano-economia-Nota_Fiscal_eletronica-lojas-varejo-Centro_de_Manaus-impostos-ICMS-Compras-Sefaz-IPTU-Consumidores-Lojistas_ACRIMA20120829_0006_15

Você costuma fazer compras e guardar os recibos na carteira? Se sua resposta for sim, repense essa atitude. Isso porque os recibos usados em máquinas de cartão de crédito/débito ou de emissão de nota/cupom fiscal contêm bisfenol A (BPA) – uma substância química usada em vários produtos como garrafas de água – e o contato com o papel eleva os níveis da substância nos humanos. A taxa pode ficar ainda maior se o papel térmico for tocado depois de aplicar produtos de cuidados da pele.

Segundo a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, ao entrar em contato com o organismo, a substância pode afetar o sistema endócrino, trazendo danos à saúde como infertilidade, modificações do desenvolvimento de órgãos sexuais internos, endometriose, diabetes, obesidade e câncer.

Alternativas possíveis

Algumas ações podem ajudar a evitar a absorção do bisfenol A: pedir o envio dos recibos por e-mail quando for possível, não colocar o papel térmico na carteira (deixar armazenado dentro de sacos plásticos) e, para funcionários de supermercados, é interessante usar luvas cirúrgicas. E é claro: sempre lavar as mãos após manusear o recibo.

Via O Globo.