Por: Gabriela Bubniak | 18/07/2016

Pare para pensar: você sabe como um surdo pede socorro em situações de risco? Nós, ouvintes, simplesmente pegamos o telefone e ligamos para a Polícia Militar ou Bombeiros, mas e os surdos? Pois é, eles não têm esse direito em Santa Catarina, logo isso infelizmente também se aplica a Jaraguá do Sul.

Mas não quer dizer que ninguém esteja “mexendo os pauzinhos” para mudar isso por aqui. O voluntário da Associação dos Surdos de Jaraguá do Sul, Dino de Lucca Moreira, sempre engajado nas causas pelos surdos, está em execução de um projeto próprio para mudar esse cenário.

O projeto se resume na construção de um aplicativo que possibilite acionar a emergência de forma rápida. Segundo ele, o projeto ficou engavetado desde 2013, pois não havia conseguido ninguém para montar o app.

Hoje ele tem contado com a parceria de alguns desenvolvedores que trabalham na ideia. “Temos que disponibilizar uma solução rápida e prática para os surdos, para que o socorro não demore a chegar”, explica. “O único problema até agora, é conseguir conectar todos no mesmo aplicativo“, finaliza Moreira.

Mas a acessibilidade começa a ganhar forma pelo Brasil. No último mês, os paulistas passaram a contar com o serviço de envio de mensagens de texto para 190 e 193 em caso de acidentes, roubos e assaltos.

Para isso o deficiente auditivo precisa ir a um dos postos da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo para cadastrar seu número de celular, levando RG, CPF e endereço.

Lá os atendentes falam em Libras (Língua Brasileira de Sinais). A partir daí eles as pessoas com deficiência auditiva ou completamente surdas já poderão pedir socorro por telefone, como faz qualquer brasileiro.

Assista ao vídeo para entender como funciona o serviço em São Paulo:

Serviço
Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo
Fone: (11) 5212-3755
E-mail: violenciaedeficiencia@sedpcd.sp.gov.br
Clique aqui para ver o local mais próximo para fazer o cadastramento.

Fontes: Governo de SP e Só Notícia Boa