Por: Ricardo Daniel Treis | 1 ano atrás

A solidariedade está no coração daqueles que querem o melhor para o próximo. Diversas entidades ajudam as pessoas em Jaraguá do Sul, mas os exemplos podem facilmente ser vistos em pequenos gestos diários. O funcionário da Ambiental Amarildo foi protagonista de uma dessas histórias. Após ter a sua bicicleta furtada, o varredor de rua teve dificuldade para se deslocar do Jaraguá 84, bairro onde mora, até o trabalho.

Na terça-feira (23), Amarildo fazia a limpeza da rua Getúlio Vargas e foi cumprimentado pelo comerciante Josué Campos. Durante a conversa corriqueira, o varredor fez o relato do seu problema. “Ele é muito correto nos seus deveres e cuida desse trecho há três ou quatro anos. Quando fui cumprimentar ele pela manhã, me disse que não era um bom dia. Me contou que roubaram a sua bicicleta e que, por dificuldades econômicas, tinha que sair de madrugada a pé para chegar a tempo no trabalho”, contou Campos.

bike

Diante do problema, o comerciante pediu autorização para pedir nas redes sociais que alguém doasse uma bicicleta usada para Amarildo e, em apenas um dia, o pedido foi atendido. “Eu fiz a foto, coloquei nos grupos do WhatsApp e Facebook. A resposta foi muito rápida e recebi ofertas de mais de uma bicicleta. Eu cancelei o anúncio e fiz a entrega na manhã desta quarta”, explicou.


Artigo: Cláudio Costa / Aconteceu em Jaraguá