Por: Gabrielle Figueiredo | 3 anos atrás

Já estão abertas as inscrições para a 1ª Conferência Municipal de Juventude de Jaraguá do Sul. As vagas são limitadas a 150 participantes e os interessados devem se inscrever neste site até 4 de agosto. Havendo vagas, também serão aceitas inscrições no dia e local do evento.

Promovida pelo Conselho Municipal de Juventude (CMJ) e pelo Gabinete do Prefeito, a Conferência está agendada para os dias 5 e 6 de agosto, no auditório do Instituto Federal de Santa Catarina (IFCS), uma das instituições de ensino apoiadoras junto com a Católica Santa Catarina.

conferencia

Tendo como tema central “As várias formas de mudar o Brasil – começando por Jaraguá do Sul”, a Conferência Municipal de Juventude definirá propostas relacionadas aos anseios da juventude e as políticas voltadas a essa faixa etária na cidade. Segundo os organizadores, elas também serão encaminhadas à etapa Estadual e, posteriormente, à 3ª Conferência Nacional de Juventude.

A abertura oficial do evento está prevista para as 19 horas do dia 5, sendo que a programação dessa noite inclui a aprovação do regimento interno e a palestra magna, com Eduardo Zanatta de Carvalho – representante jovem do Brasil no Euro-Brics 2015 e conselheiro do Conjuv de Balneário Camboriú – e o promotor da 7ª Promotoria de Justiça de Jaraguá do Sul, Rafael Meira Luz.

Para definir as propostas da juventude jaraguaense, no segundo dia do evento serão discutidos 11 eixos distribuídos em cinco grupos compostos de 50 participantes: Direito à Educação, Direito à Saúde, Direito à Cultura e Direito ao Desporto e ao Lazer, no grupo 1 – coordenado pela controaldora Geral do Município, Fernanda Klitzke Witkowsky; Direito à Cidadania, à Participação Social e Política e à Representação Juvenil, Direito à Diversidade e à Igualdade e Direito à Comunicação e à Liberdade de Expressão, no grupo 2 – sob a coordenação do secretário da Habitação, Antonio Marcos da Silva; Direito à Sustentabilidade e ao Meio Ambiente e Direito ao Território e à Mobilidade, no grupo 3 – a ser coordenado pelo presidente do Instituto Jourdan, Ronaldo Lima; Direito à Segurança Pública e ao Acesso à Justiça, no grupo 4 – com a coordenação do procurador Geral do Município, Raphael Rocha Lopes; Direito à Profissionalização, ao Trabalho e à Renda, no grupo 5 – que terá como coordenador o professor do Senai, Jonas Coelho.

Outras informações no regimento interno.

Fonte: Prefeitura Jaraguá do Sul