Por: Misael Freitas | 29/12/2016

Durante as festas de fim de ano, muitas pessoas se incomodam com o barulho dos fogos de artifícios. Agora, imagine o medo que ele causa em quem tem a audição mais sensível e apurada, como nossos bichinhos de estimação.

Cães, gatos, passarinhos e outros pets costumam apresentar sintomas como desorientação e podem até ficar surdos durante a queima de fogos que acontece tradicionalmente na virada do ano.

O barulho dos fogos pode causar desorientação e até deixar o seu bichinho surdo

O barulho dos fogos pode causar desorientação e até deixar o seu bichinho surdo

Na antiguidade, os chineses utilizavam os fogos de artifício para espantar maus espíritos durante os festivais de colheitas. Até hoje, eles são comuns em épocas de celebração e servem para marcar que algo foi concluído ou que está começando.

Mesmo com toda a diversão, é preciso tomar alguns cuidados para que o seu melhor amigo não sofra durante a noite de Réveillon.

Confira as dicas que preparamos para proteger o seu bichinho do medo dos fogos de artifício:

Crie um ambiente seguro

Esta é uma tarefa que não pode ser deixada para última hora! Organize com antecedência o lugar onde o seu animal de estimação vai ficar durante a queima dos fogos. Ele deve ser um ambiente fechado, sem aberturas de riscos como janelas baixas e sacadas. Dê preferência para lugares com um bom isolamento acústico.

Deixe a luz acessa

Ao contrário do que muitos pensam, apagar a luz durante a queima de fogos deixa o bichinho ainda mais agitado, pois além de ter a audição prejudicada, ele também tem a visibilidade reduzida, o que aumenta os sintomas de desorientação. Deixe a luz do cômodo acesa, mas feche a janela com cortina para que ele não veja as luzes dos fogos.

Abafe o barulho dos fogos

O barulho da televisão pode ser útil para distrair os bichinhos durante a queima de fogos

O barulho da televisão pode ser útil para distrair os bichinhos durante a queima de fogos

É possível reduzir o barulho causado pelas explosões produzindo um som ainda mais alto, mas que ainda seja suportável para o seu pet. Para isso, aumente o volume da televisão ou coloque uma música para tocar. Isso irá abafar os fogos e acalmar o animal.

Distraia o seu bichinho

Não poupe esforços para distrair seu amigo de quatro patas. Distribua brinquedos e outros itens divertidos pelo ambiente para que ele se sinta confortável e tenha algo com o que brincar durante a queima dos fogos. Evite pegá-lo no colo, pois o seu pet pode entender o gesto como uma recompensa pelo medo que está sentindo. Entenda mais aqui.

Separe os seus pets

Se você tem mais que um bichinho de estimação, evite que eles fiquem juntos enquanto o barulho dos fogos durar. Essa medida garante mais segurança para você e para os próprios pets, pois com as explosões, eles tendem a ficar agitados e atacar os donos ou outros animais. Entenda melhor aqui.

Identifique o seu animal

Identifique o seu animal com as sua informações de contato para caso ele se perca por aí

Identifique o seu animal com as sua informações de contato para caso ele se perca por aí

Esta é uma medida indispensável para quem está passando a virada de ano na praia ou fora de casa. No momento do medo, eles são bem engenhosos e conseguem escapar até com as menores brechas. Por isso, os bichinhos devem estar identificados com nome e telefone para contato caso se percam por aí.

Procure ajuda especializada

Caso seu pet já tenha passado por uma situação dessas e não tenha reagido muito bem, talvez seja hora de procurar ajuda de um veterinário ou adestrador. Eles poderão ajudar o seu bichinho com medidas imediatas, como a aplicação de um calmante ou com algo mais durável, como um processo de “dessensibilização“, que acostuma o animal com o barulho de fogos.

Dica bônus: o truque do pano

Confira no vídeo abaixo, uma técnica que pode ajudar o seu bichinho de estimação a ficar mais calmo durante a queima de fogos:

Coloque em prática

É possível fazer uma virada de ano feliz para você e para os seus companheirinhos com alguns cuidados básicos que ajudam os animais a se acalmar e evitam danos a longo prazo, como a perda de audição.

Ah! Essas dicas funcionam melhor com uma boa dose de paciência e muito amor viu? Vale a pena tentar! 😉