Por: Gabriela Bubniak | 8 meses atrás

Se você ficou chocado com aquela história de carne adulterada com papelão dos frigoríficos brasileiros (saiba mais aqui), fique sabendo que essa não é a primeira vez que a indústria mente para você. Há alimentos que você nem imagina que a receita possa ser outra.

Quer saber da pior? Praticamente todos esses alimentos que você comeu enganado fazem parte do seu dia a dia. Aqui vai um exemplo: o iogurte ou aquele requeijão você não consegue deixar de consumir no café da manhã, com o pãozinho… Pois é, o mais triste de tudo é que basta você checar sua geladeira para perceber o quanto você foi enganado a vida inteira!

Garanto que você vai ficar chocado quando descobrir o que realmente existe na receita daqueles alimentos que você anda consumindo.

1. Hambúrguer de picanha congelado

1100

É possível que você nunca tenha prestado atenção nisso, mas na caixinha do produto mostra, claramente, que a única coisa que não tem no seu hambúrguer de picanha é picanha. De forma geral, eles contam com “carne bovina e carne de frango sabor picanha com queijo processado sabor cheddar”. Sentiu só a honestidade?

2. Muçarela de búfala

mozzarela-de-bufala

É de búfala, mas algumas chegam a conter até 80% de leite de vaca mesmo!

3. Mostarda

337

A vontade é de que o molho seja da mostarda, mas a verdade é que o ingrediente principal desse tipo de molho, na maioria das marcas, não é o que se encontra em maior quantidade na receita. A maioria se trata de uma mistura muito maior de água, vinagre, açúcar e amido. Só depois, em último lugar da lista, aparecem as sementes de mostarda.

4. Linguiça calabresa

432

Outra coisa em sua vida que nunca passou de uma farsa é a famosa linguiça calabresa. Isso porque, se você a compra achando que está comendo carne de origem suína, está completamente enganado. A verdade é que grande parte das marcas dessa linguiça é feita de uma mistura de carnes, sendo a maior parte de carne de aves e de proteína de soja (achou que não gostava de soja, né?). A quantidade de porco é quase irrisória.

5. Leite achocolatado

chocolate-milk-860

Se, na caixinha, estiver escrito “bebida láctea”, esqueça porque não se trata de leite. A mistura que você toma achando se tratar de leite achocolatado é, na verdade, soro de leite, com uma pequena parte de leite em formas variadas (reconstituído ou em pó) com achocolatado e muiiiito açúcar.

6. Mel

Uso-do-mel-como-antibiotico-500x281

Sim, nem o mel escapa. Na grande maioria das vezes o mel que você compra nos supermercados são passa de uma grande farsa. Isso porque são, na verdade, à base de glicose e até melado de cana.

7. Azeite

azeite_oliva

Esse, com certeza, você já sabia que tinha que ficar esperto na hora de escolher, não é mesmo? Mas, como não custa nada alertar de novo, não se esqueça de ler a embalagem quando for escolher uma marca de azeite. Caso contrário você corre o risco de cair numa grande farsa e acabar comprando óleo composto de soja e oliva. Ou seja, uma mistura de óleo de soja (cerca de 80%) e com uma mínima parte de azeite de verdade.

8. Cerveja

df5845_44bc4ab66be24b949c740f1775497d54-mv2

Esse sim é um produto que prova que sua vida inteira foi uma farsa. Isso porque, segundo o padrão internacional, a cerveja de verdade precisa ser feita apenas com água, cevada e lúpulo. No Brasil, no entanto, não é difícil encontrar por aí “cervejas” que contém outros ingredientes menos nobres, como milho e “cereais maltados” e que podem superar até 50% da composição da bebida.

9. Iogurte

mulher-tomando-iogurte-e1459948451710-620x330

Mais uma vez é preciso ficar atento quanto à farsa da “bebida láctea” fermentada. A menos que esteja escrito iogurte, com todas a letras, o produto que você está comprando é feito de soro de leite.

10. Requeijão cremoso

requeijao

Apesar de ser uma delícia o requeijão cremoso de cada dia também é outra farsa, das grandes, que rodeiam nossa existência. Isso porque, ao invés de ser feito somente de leite e derivados, não são raras as marcas de requeijão cremoso que misturam na receita derivados vegetais, como amido. Para saber, tem que ler as letrinhas miúdas da embalagem.

E aí, viu como sua vida toda foi uma farsa? Triste… mas pelo menos agora você sabe o que realmente está consumindo e prestar mais atenção na hora de comprar. Quem sabe seja uma forma de começar a cozinhar. Às vezes é mais garantido! 😉

Fonte: BuzzFeed